O melhor portal biológico da internet!

Meiose: Fases
 Citologia


As fases da Meiose

 

A meiose consiste em duas divisões consecutivas.

Assim como a mitose, ela é antecedida por uma intérfase, em cujo período S o material genético é duplicado. A primeira divisão separa os pares de cromossomos homólogos, formando células haplóides. A segunda divisão separa as cromátides-irmãs.

 

A - Primeira Divisão da Meiose

É chamada meiose I ou divisão I da meiose. Divide-se em fases que guardam certas semelhanças com as fases da mitose.

 

Prófase I: De toda a meiose, é a fase mais longa. Os filamentos de cromatina, já duplicados, iniciam sua condensação. Cada cromossomo se coloca ao lado do seu homólogo. O ajuste é perfeito, colocando em contato cada ponto de um cromossomo com o seu correspondente, no homólogo. Sinapse é o nome do emparelhamento, e cada par de homólogos pareados é chamado bivalente.

 

 

Podem ocorrer trocas de fragmentos entre os cromossomos homólogos. São as permutações ou crossing-over. O ponto de cruzamento dos filamentos é o quiasma.

O aspecto microscópico dos quiasmas é de um X formado pelas duas cromátides.

 

 

Os centríolos duplicados migram para pólos opostos. Surgem os ásteres e o fuso acromático. Desaparecem o nucléolo e a carioteca. Com a dispersão dos cromossomos pelo citoplasma, cada um dos homólogos, de todos os pares da célula, se liga a fibras do fuso que se ligam a cada um dos pólos.

Metáfase I: Os cromossomos atingem seu grau máximo de condensação. Lado a lado, os pares de homólogos ocupam o equador celular.

 

 

Anáfase I: Tracionados pelas fibras do fuso acromático, os cromossomos homólogos são separados e se encaminham para pólos opostos, na célula.

Não ocorre bipartição dos centrômeros, uma vez que as duas cromátides-irmãs seguem juntas para o mesmo pólo.

 

 

O nome dessa separação dos cromossomos homólogos é disjunção ou segregação.

 

Telófase I: Os cromossomos descondensam-se parcialmente. A carioteca se refaz e o citoplasma se divide, formando duas células-filhas haplóides.

 

 

Entre o final da Divisão I e o início da Divisão II, pode haver um pequeno intervalo no qual não ocorre duplicação do DNA, chamado intercinese.

 

B - Segundo divisão da Meiose

A meiose II ou divisão II da meiose é semelhante à mitose, porém não é precedida pela duplicação do material genético. Seus eventos acontecem simultaneamente com as duas células resultantes da Meiose I.

 

Prófase II: A carioteca se fragmenta, os centríolos são duplicados e ocupam pólos opostos, na célula. Surge o fuso acromático.

 

Metáfase II: Os cromossomos, bastante condensados, estão na região equatorial, ligados às fibras do fuso.


Anáfase II: Os centrômeros bipartem-se, e as cromátides-irmãs se separam, tracionadas pelas fibras do fuso em direção aos pólos. Note, na figura, que a anáfase I separa cromossomos homólogos, enquanto a anáfase II separa cromátides-irmãs.


Telófase II: Nos pólos, a carioteca se refaz, e o citoplasma se divide. Surgem 4 células-filhas haplóides, com metade da quantidade de DNA da célula inicial.


Download Gratuito

300 Atividades Práticas em Sala de Aula - Biologia e Ciências

Suas aulas mais divertidas e proveitosas. São 300 atividades práticas em sala de aula de Ciências e Biologia.